Santinha Heloísa

Padroeiro:

 

História:

Heloísa (ou Eloísa) nasceu por volta do ano 1300 numa família nobre e cristã, na região francesa chamada Normandia. Tinha uma educação refinada e se casou muito jovem, sempre se mantendo firme na fé.

Ficou viúva também muito jovem, o que representou um grande sofrimento em sua vida. Apesar disso, quis logo que os bens de seu falecido marido passassem todos para a Abadia Beneditina de Notre Dame de Coulombs, na França.

Tempos depois, recuperando-se de sua viuvez, outro pretendente apareceu em sua vida e Heloísa se casou novamente. Porém, mais uma vez, aconteceu o inesperado: seu segundo marido faleceu de morte natural pouco tempo depois do casamento. Heloísa parou, pensou e tomou uma decisão de vida. Por causa desses acontecimentos, decidiu que iria viver como uma religiosa.

Sua decisão implicou na doação de todos os seus bens aos pobres e à abadia, deixando aos seus familiares apenas a herança que lhes era devida por direito. Em seguida, mandou que fosse construída uma pequena casa junto à igreja da abadia e ali ela passou a morar.

No tempo da grande peste de 1330, a santidade de Heloísa se tornou clara. Todos fugiam das pessoas doentes com medo de se contaminarem. Mas Heloísa, no entanto, se pôs a cuidar dos doentes sem receio algum. E, milagrosamente, ela não se contaminou com a doença.

Documentos da época afirmam que Heloísa curava alguns doentes fazendo apenas uma oração sobre estes ou dando a eles uma bênção.

Com a peste, morreram 25 milhões de pessoas em apenas em 5 anos. Mesmo diante deste cenário tenebroso, Heloísa não tinha medo de se aproximar dos doentes, cuidar deles, curar a muitos e ajudar a outros tantos em seu momento derradeiro nesta vida. Sentia que os ajudando a morrer em paz e na graça de Deus, segurando nas mãos deles, rezando por eles, trazendo a grande graça da paz na hora da morte estaria na graças de Deus.

Heloísa faleceu no ano 1360. Logo que ela faleceu, milagres e graças começaram a acontecer. Por isso, seu túmulo transformou-se rapidamente em lugar de peregrinação. Mais tarde seus restos mortais foram transladados para a grande catedral de Chartres, na França, onde ela viveu. Suas relíquias estão conservadas até os dias de hoje na mesma catedral.

Oração:

Ó Deus, que destes a Santa Heloísa o dom da caridade e do desprendimento, bem como o dom da cura e a proteção contra as pestes, permita que sejamos ajudados através de sua intercessão. Livra-nos das pestes contagiosas e também do egoísmo e apego aos bens materiais. Por intercessão de Santa Heloísa, dai-nos a graça de que tanto precisamos (pedir a graça). Por Nosso Senhor Jesus Cristo, na unidade do Espírito Santo.

Amém

Mensagem:

Share Button